Os Imortais
Okina conseguiu destruir Sunagakure, tornando o vilarejo um só com as suas origens, as areias profundas do deserto. O mesmo aconteceu em Kirigakure no Sato, onde a entidade afundou a vila no oceano que o cercava. Porém, ao tentar acabar com Konoha, a inimiga da humanidade falhou sendo impedida pelos novos salvadores do mundo. Abençoados por Hagoromo, os ninjas Mako e Mordred conseguiram selar a adversária criando uma segunda lua pairando sobre o planeta. Passadas algumas semanas, uma seita antiga se reuniu procurando o local onde poderiam ressuscitar Jashin, um deus antigo. Liderados por uma mulher capaz de ouvir a voz do deus, os seguidores subiram a Cordilheira dos Deuses e encontraram uma rocha cheia de selamentos frágeis e acabaram assim liberando um novo inimigo que se diz ter muitos nomes: Kami-sama, Jashin-sama e Shaka-sama. A nova divindade absorveu os poderes da lua onde Okina foi selada e transformou-se totalmente, porém, uma quantidade estranha de chakra vazou e espalhou-se no planeta inteiro.O novo inimigo da humanidade marcou três vilarejos: Konoha, Iwa e Kumo. Mas quais são seus verdadeiros planos? E quem é a pessoa que despertou depois de muitos anos?
.
.
.
.
.
Últimos assuntos
» Lista & Organização de Clãs
Hoje à(s) 11:59 am por Escanor

» Lista & Organização de Vilarejos
Hoje à(s) 11:58 am por Escanor

» [Capítulo] Uta
Hoje à(s) 11:57 am por DouglasCapiotti

» 3) Solicitações de Avaliação
Hoje à(s) 11:47 am por Victor151

» Campo de treinamento Ryo
Hoje à(s) 11:43 am por Victor151

» [Ato] Kazui
Hoje à(s) 11:32 am por Kazui

» [M.S.] Status de um Yamanaka
Hoje à(s) 11:24 am por DelRey

» [BB] Goroima
Hoje à(s) 11:24 am por DelRey

» [ FIXO ] Sistema de Reset Parcial e Total
Hoje à(s) 11:21 am por DelRey

» Rankeamento de Técnicas
Hoje à(s) 11:20 am por DelRey


Convidado


Qua Jun 20, 2018 12:01 pm
Mensagens: 0
Geral
RPG
Ficha de personagem
Rank:
Perso:
HP:
CK:
ST:

Notificações
Não há notificações
Resetar as notificações

<

[C] Chisaki: Escolta 1: Hora do chá das 5!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[C] Chisaki: Escolta 1: Hora do chá das 5! - em Dom Jan 07, 2018 2:20 pm



narrador


Escolta 1: Hora do chá das 5!


KumogakureOutono17°C1/5 posts


Ambiente: Arredores da vila.

Narração: Um ninja procurava por Chisaki. Buscava entregar-lhe um pergaminho contendo uma missão. Assim que o encontrasse, faria o proposto e sairia, deixando que o jovem cuidasse da missão.

Mensagem:
Missão:
Sua missão é viajar até o País do Chá, e retornar com um suprimento de Chá muito caro!

Atenciosamente,
Quartel General de Kumogakure.

O que fazer: Pegue a mensagem e parta para o País do Chá.



_______________________

avatar
Chūnin
Chūnin


Hora do Chá.


Chisaki passeava pelos arredores do Vilarejo, movendo-se a passos vagarosos, típicos de uma pessoa que ainda não definiu um caminho a ser traçado. O dia aparentava estar calmo, ainda mais com a temperatura que beirava os 20ºC.- Frio de merda.. - resmungou o garoto, mesmo estando vestido com uma longa jaqueta escura, que cobria quase todo o seu corpo. Chisaki parou, subitamente, ao perceber que um ninja estava vindo a seu encontro. O homem entregou um pergaminho para o garoto franzino, que olhava com certo desgosto para o papel em suas mãos.- Com tantos Gennins, logo eu que fui obrigado a ir pra essa merda? Eu mereço! - falou Chisaki, em um tom extremamente agressivo, quase berrando.- Tanto faz, dinheiro é sempre bem-vindo. Hmpf. -murmurou, à medida que o homem que lhe entregara o pergaminho se afastava. Chisaki abriu o pergaminho, sem procurar demonstrar interesse. Quanto mais lia, porém, mais interesse o garoto parecia demonstrar. "Uma missão Rank C, então? Finalmen- Cacete.." pensou, voltando a mostrar desinteresse em relação ao pergaminho, após ter tido uma queda de expectativa total. Matar bandidos? Não! Proteger alguém? Não! "Nossa Xisaque, então qual era sua missão?" Trazer chá.

"Hm..Deve ser algo sério, ainda mais por estar com a assinatura do Quartel.."pensou, na tentativa de aumentar suas expectativas em relação à missão. Chisaki sequer precisou retornar à sua casa, por já estar com todos os armamentos em sua posse: dentro de uma bolsinha que estava amarrada à perna esquerda do rapaz. Deu um giro com os pés, rodopiando, passando a andar em direção à qual estava vindo.- Eba, missão, chá. Uooou.. -disse, movendo-se em direção ao portão do Vilarejo. - Pera aí.. ONDE CARALHOS FICA O PAÍS DO CHÁ? - berrou Chisaki, na esperança de que oNPCninja que lhe entregou a missão voltasse. É..Esquecer de perguntar foi uma merda.. Chisaki correu até a Biblioteca de Kumo, movendo-se feito um raio.- Apaputaquepariu. - proferiu, ao ver uma plaquinha de "A ignorância é a pior inimiga do homem", acima da porta do estabelecimento.

Chisaki pegou um velho e grosso ( ͡° ͜ʖ ͡°) livro que estava em uma prateleira de "Conhecimentos Gerais".- Animais fantásticos e onde habitam...Ninjas famosos..Mapa-múndi! -berrou, enquanto folheava as folhas. O garoto havia esquecido completamente que estava em uma biblioteca e, por isso, interrompeu a leitura de outras pessoas. Chisaki fez o máximo para memorizar que o País do Chá se encontrava no País do Fogo.- Ah, dane-se. O livro é velho. -murmurou, arrancando a página do livro enquanto ninguém olhava e fechando-o logo em seguida.- BOA LEITURA PARA VOCÊS! -gritou, fazendo um joinha com a mão direita, enquanto saía da Biblioteca. "Aiai.. Gente abusada..A ignorância é mesmo a pior inimiga do homem"pensou Chisaki, fielmente acreditando que era ele que estava realmente certo.
 
Já no Portão da Vila, Chisaki olharia para trás, dando uma última olhadela no seu tão amado Vilarejo.- Pegar chá.."Cês" tão de sacanagem mesmo.. -disse, continuando a se mover, sempre olhando para o mapa-múndi que ele "adquiriu" por meios ilícitos. O garoto acreditava que pegar um barco ou um bote seria mais vantajoso do que ir à pé ou por uma caravana. Devido a isso, Chisaki foi em direção a um porto próximo da vila, onde tentaria pegar um barco e seguir viagem até o seu destino, o País do Chá.
Considerações:
Roupas Aqui
Afirmações não passam de tentativas
Desculpa se ficou grande, acabei dificultando pra mim sem necessidade UAHUAHUAU
Mapa que eu vi:
Status:
300/300
225/225
Stamina:03/03
Armamentos:
10 kunais
5 shurikens
10 senbons

Thankz Mirai


_______________________


Ficha na imagem.
Falas
Pensamentos
avatar
Genin
Genin



narrador


Escolta 1: Hora do chá das 5!


Trajeto ao País do CháOutono17°C2/5 posts


Ambiente: Arredores da vila.

Narração: No porto não havia qualquer embarcação na direção do País do Chá. Sem grandes perspectivas, a única opção do jovem seria a de ir pelo desfiladeiro Takuni. Ou pelo menos fora esse o caminho ensinado por um barqueiro enquanto este procurava por uma embarcação na direção do País do Chá. Um fato pertinente não contado pelo barqueiro, no entanto, foi o do desfiladeiro estar repleto de bandidos e gangues.

O nosso jovem protagonista deveria mover-se imediatamente nessas direções caso quisesse conseguir o suprimento de chá em tempo.

O que fazer: Narre sua conversa com o barqueiro. Siga na direção do tal desfiladeiro. Não precisa seguir as informações geográficas à risca, vamos dar asas as nossas liberdades (:



_______________________

avatar
Chūnin
Chūnin

O desfiladeiro.


Merda.. No porto não havia qualquer tipo de embarcação que fosse capaz de me levar ao meu destino. Chisaki bufou, raivoso, pisando no chão com tanta força quando andava que até era possível ouvir o som de seus passos.- Eu vim até aqui..POR NADA! - berrou, levando ambas as mãos em direção aos céus, esperando uma interferência divina. - E..Ei, garoto! Onde você está tentando ir? - falou uma voz, um pouco distante. O jovem Kaguya se virou, rapidamente, mesmo que a voz não tivesse lhe assustado. Seu olhar agora se direcionava a um senhor de idade, curvado, estando seus poucos cabelos grisalhos cobertos por um chapéu de pesca. Chisaki fez um sorriso, cerrando os olhos em tom amigável. - Não te interessa. - falou, por fim, ainda com um sorriso sem emoções. Chisaki se virou de costas, novamente, prestes a sair em busca de informações. - Hoho.. Tudo bem, então, cof . Acho que cof me enganei. Se bem que me deixaram ciente de que um garoto podia vir cof aqui, pra pegar um barco que leva pro País do Chá, cof. - proferiu o idoso, tossindo enquanto ria. No mesmo instante, Chisaki se virou novamente em direção ao homem, tentando se controlar para manter a seriedade. - Tsc, tudo bem, ancião dos anciões. Como eu chego no País do Chá? - perguntou o garoto, tacando de qualquer jeito o mapa-múndi para dentro de sua bolsa de armas.

Sinceramente, eu não sabia dizer se aquele velho estava me dando as informações enquanto tossia de vez em quando ou se estava tossindo enquanto, de tempo em tempo, me dava alguma informação relevante. "Esse idoso vai morrer antes de completar uma frase.." pensei, enquanto o idoso tossia mais uma vez. - Cof cof, você precisa cof ir pelo desfiladeiro cof Takuni. - disse o senhor, apontando para a esquerda dele. - Ok, tchau, dois beijos. Te vejo na outra vida. Adiós. - falou Chisaki, começando a correr na maior velocidade que ele era capaz, indo na direção que o homem havia apontado. - Oh! Esqueci de avisar dos riscos.. - pensou o velho, após Chisaki já estar a uma boa distância dele. O garoto não pararia de correr por nada, só cessando sua corrida quando finalmente se aproximasse do desfiladeiro.
Status:
300/300
225/225
Stamina:02/03
Armamentos:
10 kunais
5 shurikens
10 senbons

_______________________


Ficha na imagem.
Falas
Pensamentos
avatar
Genin
Genin



narrador


Escolta 1: Hora do chá das 5!


Desfiladeiro TakuniOutono17°C3/5 posts


Ambiente: Rodeado por uma cadeia de grandes montanhas. Um rio seco.

Narração: Naquele desfiladeiro, a vida parecia ter desaparecido há décadas. Correndo despretensiosamente, o jovem Chisaki, de repente, deparava-se com uma série de grandes rochas rolando sobre sua cabeça. Elas eram grandes e pesadas o suficiente para esmagar todo o seu corpo de uma vez só. Ele não sabia, mas esta era uma das armadilhas dos bandidos que já conheciam sua presença desde o momento em que ele pôs o primeiro dos seus pés lá dentro.  

O que fazer: As rochas vêm de todas as direções, possuindo velocidade um. Você está andando em um lugar como esse: imagem. As paredes possuem um musgo que suga seu chakra caso você tente escalá-las.



_______________________

avatar
Chūnin
Chūnin


rochíneas fofíneas bonitíneas


- Esse desfiladeiro tem menos vida que eu. - disse o jovem Gennin, à medida que foi adentrando no desfiladeiro. Chisaki continuou correndo, sem esperar a presença de qualquer inimigo. Isso foi um erro, ainda mais se levarmos em conta o que aconteceu em seguida. Várias rochas começaram a cair, desfiladeiro abaixo. Obviamente isso tinha sido obra de alguém. Pedras não saem rolando por conta própria(pelo menos, não que Chisaki saiba). Aquelas rochas eram gigantescas, capazes de transformar o jovem Kaguya em pó. Você deve estar se perguntado: como Chisaki reagiu, no momento em que viu as rochas caírem? Ficou com medo, ficou apreensivo? - Que legal! HAHAHA. Tentem esmagar o Chisaki:Round 1! - falou, com uma expressão de felicidade. Tanto por ser suicida quanto por não sentir dor, aquilo era um desafio e tanto para o rapaz, que não aparentou sentir medo diante de uma situação que seria capaz de fazer a maioria das pessoas entrar em um estado de choque. De ambos os braços do rapaz, ossos do úmero começaram a sair pela região do ombro. Eram ossos finos, mesmo que calcificados para ter uma boa resistência, além de possuírem a extremidade inferior pontiaguda, como se tivesse sido "moldada".

Sem perder tempo, Chisaki colocou ambos os ossos do úmero em sua boca, em diagonal, e ficou pressionando-os com os dentes. - Junshin no Jutsu! Ki Bobori no Tchugyõ! - disse, erradamente, enquanto fazia selos de mão. O chakra do rapaz começou a circular em volta de seu pé. Chisaki, utilizando o Shunshin no Jutsu, daria um salto(de aproximadamente 15 metros), em direção à pedra gigantesca que estava acima dele. Após se aproximar, o garoto seguraria seus ossos dos úmeros, um em cada mão, e cravaria na parte de baixo da pedra. Após isso, Chisaki faria um impulso com o corpo para ser capaz de "encostar" os pés na pedra, que já estavam "energizados" com o chakra do Ki Nobori no Shugyõ. Feito isso, Chisaki retiraria seus ossos da parte inferior da pedra, e começaria a escalá-la, na intenção de chegar na parte superior.  O jovem Kaguya pularia de rocha em rocha, sempre tentando subir, em metros, em relação à posição anterior a qual se encontrava, sempre cravando seus ossos na pedra e subindo, saltando para uma pedra em uma posição mais elevada e assim por diante).

A intenção de Chisaki não era somente brincar de desviar das pedras, mas sim averiguar se havia alguma pessoa em cima do desfiladeiro. Já em uma posição consideravelmente alta, Chisaki daria um salto tanto para cima quanto para frente, na intenção de parar em cima do desfiladeiro. - Olá?!?! Existe algum desgraçado aqui?


Considerações(IMPORTANTÍSSIMAS):
-Ossos que foram criados a partir do úmero possuem uma força Rank C(deve ser o suficiente pra cravar em uma pedra)
- Tudo foi feito na minha maior velocidade, por mais que meu post tenha sido bem específico em relação aos movimentos.
- Se, porventura, uma pedra fosse cair em mim antes de eu efetuar os jutsus/retirar os ossos, eu correria a uma velocidade de 10m/s por segundo para me afastar(não postei isso no texto pra não "poluir".
- Afirmações não passam de tentativas.
- Se o template bugar de novo, me avisa que próximo post eu tiro essa merda.
- Qualquer dica de como melhorar a narração, bem vinda.  Chuck Norris app
- Se eu morrer, acontece, fazer o que UAHUAH
Status:
HP:300/300
Chakra:220/225
Stamina:1/3
Jutsus Usados:

Ki Nobori no Shugyō
Rank: E
Descrição: Ki Nobori no Shugyō é um método de treinamento utilizado para obter mais habilidades com controle de chakra. Esta formação envolve focalizar uma quantia fixa de chakra para o fundo do seus pés, e usar isso para subir em uma árvore sem utilizar as mãos. Se o fluxo de chakra é muito fraco, o usuário perderá sua posição na árvore e cair. Se ele for muito forte, o utilizador irá ser empurrada para longe da árvore, fazendo com que a árvore se quebre em torno do ponto de contacto com o utilizador.
Shunshin no Jutsu
Rank: D
Descrição: O Shumshin no Jutsu é uma técnica de movimento de alta velocidade, permitindo que um ninja possa se mover de curta para longas distâncias a uma velocidade quase indetectável. Para um observador, ele aparece como se o usuário tiver teletransportado. Uma bomba de fumaça é ocasionalmente usada para disfarçar os movimentos do usuário. É realizado o uso do chakra temporariamente para revitalizar o corpo para se mover em velocidades extremas. A quantidade de chakra necessária depende da distância total e elevação entre o utilizador e o destino pretendido. Tem havido alguma confusão em algumas traduções entre este e o Jikuukan Ninjutsu, mas estes são de fato diferentes técnicas, esta técnica não é teletransporte e sim apenas um movimento extremamente rápido.
Kekkei Genkai:

Shikotsumyaku
Descrição: Shikotsumyaku é a kekkei genkai do extinto clã Kaguya, que dava a eles a habilidade de manipular suas próprias estruturas esqueléticas (seus osteoblastos e osteoclastos). Ao infundir chakra ao cálcio, eles podem manipular o crescimento e as propriedades de seus ossos como bem quiserem. Essa habilidade parece ser rara entre os membros do clã, já que Kimimaro era o único a possuí-la entre seu clã inteiro.

Aparentemente, essa habilidade dá ao usuário uma estrutura óssea única, já que quando Kimimaro estava muito doente, Kabuto Yakushi alegou que havia muita pouca informação sobre seu corpo para dar qualquer tratamento médico. Após injetar o DNA de Kimimaro em si mesmo, Kabuto pôde ter acesso a essa kekkei genkai que ele usa através de um clone de Kimimaro, que emerge da base de sua cobra do umbigo. As principais capacidades do Shikotsumyaku são permitir que o usuário manipule tanto a velocidade do crescimento dos ossos como também o local dos depósitos de cálcio. Isso permite criar armas de ossos que podem ou sair de qualquer parte do corpo ou serem puxadas e usadas como armas de mão, e até mesmo atirar pedaços dos ossos como projéteis de longo alcance. Qualquer osso que é removido do corpo se regenera imediatamente, assim como a pele que é danificada na remoção dos ossos. Usuários podem aumentar a densidade dos ossos criados, tornando-os mais fortes do que aço. Isso não só torna as armas criadas mais poderosas, mas também torna o corpo virtualmente indestrutível; os ossos podem até mesmo suportar uma lâmina infundida de chakra, que é geralmente suficiente para cortar qualquer coisa.

Pela demonstração dos dois únicos usuários dessa habilidade, Kimimaro e Kabuto, várias técnicas possuem nomes de flores. Muitas delas são também danças de espada baseadas em taijutsu, que são usadas para luta corpo-a-corpo e defesa. Porém, como Kimimaro demonstrou, os ossos podem também crescer a um volume muito grande, e provavelmente crescerem por cada um, como uma forma de um ninjutsu, e que ele pode emergir de qualquer um desses ossos.

Orochimaru cobiçou muito essa habilidade, afirmando que a kekkei genkai dava ao usuário uma estrutra óssea impenetrável, que pode resistir a qualquer tipo de ataque físico. Além do mais, se um usuário partir para a ofensiva, ele pode instantaneamente tornar seu corpo na lança mais afiada. O Shikotsumyaku é considerado como a habilidade suprema de taijutsu, fato que é mantido em alta consideração.
Thankz Mirai



_______________________


Ficha na imagem.
Falas
Pensamentos
avatar
Genin
Genin



narrador


Escolta 1: Hora do chá das 5!


Desfiladeiro TakuniOutono17°C4/5 posts


Ambiente: Rodeado por uma cadeia de grandes montanhas. Um rio seco.

Narração: Os bandidos estavam contentes comemorando a morte da carne fresca para saquear seus espólios quando, de repente, viram que, na verdade, o garoto havia se livrado de suas emboscadas. O estresse tomou conta das imediações, fazendo com que agissem no impulso. Eles então desceram o desfiladeiro e ficaram frente a frente com o jovem. Uma gangue de seis pessoas. Uma usava um kusarigama, outro uma dupla de katanas e os demais os seus punhos. O primeiro e mais apressado fora o da corrente, que arremessou o contrapeso de sua arma básica na direção da cabeça do jovem genin da nuvem. O outro com katanas não perdeu tempo e avançou na direção das costas do menino, tentando acertá-lo, com surpresa, com um corte em "x" nas costas. Os demais produziram correntes elétricas na direção do jovem. Os ataques se somavam, mas seriam o suficiente para interromper o nosso jovem protagonista?

O que fazer: Tudo com velocidade 2. Jutsu de raiton rank C.



_______________________

avatar
Chūnin
Chūnin


a morte lhes cai bem


Sinceramente, até mesmo para matar um suicida é necessário mais do que apenas algumas rochas, ainda mais se estiver lidando com uma pessoa capaz de pensar rápido. Meu plano, infelizmente, funcionou da maneira que havia sido planejado. Não só fui capaz de desviar de grandes rochas, mas também fui capaz de provar a mim mesmo que meus treinamentos estavam dando frutos, por mais árduos que fossem. - HAHAHA. Não contavam com essa, não é? Apareçam, seus merdas! - gritei, tacando no chão os dois ossos dos úmeros que eu tinha em mãos. Mesmo incapaz de sentir dor, desviar de uma abrangente quantidade de rochas foi um bom treinamento, capaz de fazer com que meu sangue Kaguya fervoroso por batalhas ficasse "aquecido". Sem tardar, eu continuaria andando em frente, na esperança de que meus pés fossem me levar até o fim do desfiladeiro. "Hm? Quem são esses desgraçados?" pensei, olhando com indiferença as pessoas que estavam na minha frente. Elas pareciam emburradas, como se alguma pessoa tivesse se colocado no meio dos planos delas. - Vão ficar me olhando com essa cara de cu, vão lutar ou vão me deixar passar? Estou com pressa, merda. - disse, em um tom ameaçador, vendo que algumas das pessoas carregavam armas nas mãos. Eles, do meu ponto de vista, me cercaram. Puta merda..Isso é excitante! Como eles agiriam? Será que seriam capazes de me ferir? Será que eu..iria morrer? Poxa, só de pensar nas inúmeras possibilidades eu já fico animado!

Eu até posso ser um pouco afobado e agressivo..Tudo bem, bastante afobado e agressivo, mas meus oponentes estavam extremamente impulsivos, como se uma alcateia de lobos tivesse encontrado um filhote de veado sozinho. Mal sabiam eles que esse veadinho era a insanidade em pessoa(ou em animal, pelo contexto). - Vocês vão se esforçar pra me matar dessa vez, não vão? -falei, fazendo outro osso do úmero sair pelo meu braço. Surpreendentemente, tinha algo de diferente nesse osso: parecia ser bem mais resistente, além da ponta do osso ter sido moldada de forma tão fina quanto os ossos anteriores. Fiquei segurando o osso com a mão direita, o que era um fato indiferente, se considerarmos minha ambidestria. Meu primeiro inimigo a agir foi uma mulher que, com um movimento de correntes, buscava me decapitar com sua arma, que parecia ser uma variação de uma foice, algo assim. "Chato.." eu falaria, à medida que dobraria os joelhos rapidamente, para me agachar. Fazendo isso, a kusarigama passaria um pouco acima dos meus cabelos, tirando-os quase de raspão.- Boa tentativa, moça.. Que pena que..Mas que merda? -falei, enquanto puxaria rapidamente o meu osso em formato de espada para minhas costas, posicionando-o quase em vertical, se não fosse por uma pequena curvatura que a posição assumiu para defender minhas costas, visto que eu ainda me encontrava agachado.  Segurava o osso pelo "cabo"(parte não afiada) com ambas as mãos e, alguma forma, minha "espada-úmero" se encontraria no ponto-médio do golpe do homem, na tentativa de impedir o mesmo de cortar minhas costas antes que o golpe sequer acontecesse.- Esses ossos são duros feito aço. Aliás, é bem rude atacar um oponente pelas costas, não acha? -disse, esbanjando confiança, como se eu tivesse sido responsável pelo desvio dos golpes. Por mais que doa no meu coração falar isso, se não fosse pela minha agilidade aguçada, eu provavelmente estaria morto.

Ainda agachado, meus olhos indiferentes não puderam deixar de perceber que os inimigos restantes faziam selos de mãos.- Qual a sensação de não serem capazes de parar um garoto de doze anos? - disse, ainda agachado, defendendo o golpe que fora efetuado com a espada. Eu tacaria meu osso para cima, como se desejasse ricochetear as katanas do homem para o céu. Se meu plano desse certo, a região de seu abdome ficaria totalmente exposta.- Até a outra vida. -falaria, rodopiando com os pés em alta velocidade, enquanto faria um corte em horizontal na barriga do homem. Se ferro já é capaz de ferir mortalmente, imagine uma liga formada por esse material e por carbono.  Seguidamente, eu me levantaria, e pisaria primeiramente na barriga e depois no ombro esquerdo do homem. Enquanto o "escalava", faria um último corte com o osso do úmero em sua garganta, para assim finalizar sua vida. Antes do homem desabar, eu pegaria impulso em seu ombro e daria um salto, com o objetivo de me deixar a vários metros do chão. Segurando o osso do úmero com a mão direita, eu pegaria duas kunais da minha bolsa de armamentos, utilizando a mão esquerda.- Escolha sabiamente. - falaria, fitando a mulher da kusarigama. Tacaria uma tanto em diagonal quanto para cima, enquanto tacaria outra que tentaria acertar a "base" da kunai que já estava no ar a fim de desviá-la, mirando no crânio da garota. Esse movimento foi feito para atingir mais em cima, e você vai entender o porquê. Ao mesmo tempo em que colocaria a kunai na trajetória da mulher, tacaria meu úmero pontiagudo na direção do coração da mesma. Ela escolheria usar a Kusarigama para se defender no peito ou no coração? Escolha sabiamente..

Faltando quatro oponentes, que utilizavam seus belos jutsus de elemento raio, eu começaria a girar meu corpo no ar, vagarosamente. Minhas mãos estariam à frente do corpo, com todos os dedos também apontando para frente, como se fossem "garras".- Vai ser tão rápido que vocês nem vão ver.. -falaria, começando a atirar dois projéteis feitos de ossos, que se moviam feito balas, em direção aos meus oponentes. Minha intenção seria acertar um tiro no pescoço e um na testa. Se tudo desse certo, eu pousaria no chão, e iria de corpo em corpo para conferir se eles estavam realmente mortos. Além disso, pegaria de volta minhas kunais, por ser pão-duro. Durante esse tempo, eu não pude deixar de me perguntar:"Será que vale realmente a pena ir feito um louco contra os golpes dos oponentes? Eu nem sinto dor!" pensei, recogitando se ser "suicida" era algo que eu realmente gostaria de continuar ser.

Thankz Mirai



Status:
300/300
145/225
Stamina:0/3
Considerações(Importantes também xD):

- Todas as ações foram realizadas na minha maior velocidade
- Afirmações são meras tentativas.
-Eu tô ligado que tu falou que os ataques se somavam, apesar de eu não entender direito uahuah, mas como a mulher da foice foi a primeira(além de apressada) e o das katanas foi o segundo(não perdeu tempo), acho que a forma de ataque que eu considerei tão válidas.
- Note que eu atirei dois ossos dos dedos das mãos em cada homem. Com isso, sobraria 2 "balas", que seriam utilizadas na mulher de kusarigama caso ela desviasse do primeiro ataque
-Pica relatada de um movimento ""semelhante"" para se defender do"X" do cara das katanas
Spoiler:
Armamentos:
10 kunais(peguei de volta grr)
5 shurikens
10 senbons
Kekkei Genkai:

Shikotsumyaku
Descrição: Shikotsumyaku é a kekkei genkai do extinto clã Kaguya, que dava a eles a habilidade de manipular suas próprias estruturas esqueléticas (seus osteoblastos e osteoclastos). Ao infundir chakra ao cálcio, eles podem manipular o crescimento e as propriedades de seus ossos como bem quiserem. Essa habilidade parece ser rara entre os membros do clã, já que Kimimaro era o único a possuí-la entre seu clã inteiro.

Aparentemente, essa habilidade dá ao usuário uma estrutura óssea única, já que quando Kimimaro estava muito doente, Kabuto Yakushi alegou que havia muita pouca informação sobre seu corpo para dar qualquer tratamento médico. Após injetar o DNA de Kimimaro em si mesmo, Kabuto pôde ter acesso a essa kekkei genkai que ele usa através de um clone de Kimimaro, que emerge da base de sua cobra do umbigo. As principais capacidades do Shikotsumyaku são permitir que o usuário manipule tanto a velocidade do crescimento dos ossos como também o local dos depósitos de cálcio. Isso permite criar armas de ossos que podem ou sair de qualquer parte do corpo ou serem puxadas e usadas como armas de mão, e até mesmo atirar pedaços dos ossos como projéteis de longo alcance. Qualquer osso que é removido do corpo se regenera imediatamente, assim como a pele que é danificada na remoção dos ossos. Usuários podem aumentar a densidade dos ossos criados, tornando-os mais fortes do que aço. Isso não só torna as armas criadas mais poderosas, mas também torna o corpo virtualmente indestrutível; os ossos podem até mesmo suportar uma lâmina infundida de chakra, que é geralmente suficiente para cortar qualquer coisa.

Pela demonstração dos dois únicos usuários dessa habilidade, Kimimaro e Kabuto, várias técnicas possuem nomes de flores. Muitas delas são também danças de espada baseadas em taijutsu, que são usadas para luta corpo-a-corpo e defesa. Porém, como Kimimaro demonstrou, os ossos podem também crescer a um volume muito grande, e provavelmente crescerem por cada um, como uma forma de um ninjutsu, e que ele pode emergir de qualquer um desses ossos.

Orochimaru cobiçou muito essa habilidade, afirmando que a kekkei genkai dava ao usuário uma estrutra óssea impenetrável, que pode resistir a qualquer tipo de ataque físico. Além do mais, se um usuário partir para a ofensiva, ele pode instantaneamente tornar seu corpo na lança mais afiada. O Shikotsumyaku é considerado como a habilidade suprema de taijutsu, fato que é mantido em alta consideração.
Jutsus Usados:

Tsubaki no Mai
Rank: B
Descrição: Kimimaro realiza esta técnica, modificando o úmero (osso do braço) de qualquer braço direito ou esquerdo para criar um curto, punho da espada ósseo. Desde que ele pode aumentar e comprimir a densidade dos seus ossos, ele pode fazer a espada mais resistente do que o aço. Ele então usa a espada para lutar; seu estilo usa cortes rápidos e estocadas para desabilitar oponentes rapidamente. Ele é extremamente hábil com esta espada e não pode, apenas desviar a shuriken, mas também deter um grande número de Clones de Sombra com esta técnica.
Teshi Sendan
Rank: C
Descrição: Ossos da ponta dos dedos endurecidos são atirados no inimigo, com um movimento giratório adicionado à balas esqueléticas. Uma batida direta irá escavar pele, carne e osso. Desde os ossos do usuário pode ser regenerado, a taxa de incêndio de arsenal do usuário é ilimitado. Esta técnica é essencial para Kimimaro por seus ataques de longa distância.

_______________________


Ficha na imagem.
Falas
Pensamentos
avatar
Genin
Genin



narrador


Escolta 1: Hora do chá das 5!


Desfiladeiro TakuniOutono17°C4/5 posts


Ambiente: Rodeado por uma cadeia de grandes montanhas. Um rio seco.

Narração: Os homens estavam assustados perante a força do menino. Sequer puderam responder sua investida, perecendo perante tamanho poder. — Seu maldito... Um de nossos manos ainda vai matar você... — ameaçou um deles enquanto agonizava até finalmente morrer. Dali, o jovem finalmente parecia ter caminho livre para buscar o seu carregamento de chá.

O que fazer: Busque o chá, entregue-o à Kumo e finalize a missão.



_______________________

avatar
Chūnin
Chūnin


Em busca do chá.


- Hm.. Acho que exagerei um pouco.. -murmurei, coçando a cabeça com a mão direita. Apesar de ser responsável por uma chacina, mantive meu olhar indiferente perante a situação. Acreditando que não teria de enfrentar mais inimigos e nem desviar de rochas gigantescas, eu continuei meu percurso pelo desfiladeiro, ignorando os restos mortais dos bandidos. "Até que eles conseguiram me cansar um pouco.." pensei, incapaz de me locomover na minha maior velocidade. Fui trotando pelo caminho, tentando não demorar muito a chegar no País do Chá.

Algum tempo se passou e eu finalmente cheguei no País do Chá. Meu cansaço superava meu mau-humor, e talvez por causa disso eu sequer reclamei das minhas condições.- Onde eu tenho que pegar esse chá? - falei, bufando, pegando da minha bolsa de armamentos o pergaminho da missão, que eu havia guardado lá. Após ler o papel, fui andando até um bar localizado no centro da cidade. - Acho que isso aqui é para você. - falei, entregando o pergaminho. O homem, um cara robusto com um bigode moustache, me entregou uma caixa, cheia de pacotinhos de folhas, flores, raízes. - É. Deve ser o chá. Valeus. - falei, carregando a caixa pela parte de baixo com ambas as mãos. Como era uma missão de Kumo, eu não tive que pagar absolutamente nada.

O caminho de volta foi tranquilo. Eu sequer fui falar com o velho que me direcionou ao desfiladeiro Takuni, visto que eu provavelmente o mataria se o encontrasse. Velho safado..Nem me avisou que tinha bandidos lá.. Fui até o Quartel General de Kumogakure, já que minha designação da missão tinha vindo exatamente de lá.- Aqui está, da próxima vez busquem seu próprio chá. - disse, entregando a caixa e recebendo o pagamento em troca.


Thankz Mirai


Status:
300/300
145/225
Armamentos:
10 kunais
5 shurikens
10 senbons

_______________________


Ficha na imagem.
Falas
Pensamentos
avatar
Genin
Genin

aprovada. recompensa máxima.

_______________________

avatar
Chūnin
Chūnin

Conteúdo patrocinado
Conteúdo patrocinado

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

resposta rápida

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum