Naruto RPG Akatsuki
Olá visitante, registre-se em nosso fórum e venha fazer parte desde mundo mágico de Naruto, sim, seja um Ninja! Veja no vídeo abaixo os primeiros passos para fazer parte deste mundo após o seu cadastro!


Convidado


28/7/2017, 07:53
Mensagens: 0
Geral
RPG
Ficha de personagem
Rank:
Perso:
HP:
CK:
ST:

Notificações
Não há notificações
Resetar as notificações
Tema novo!
Meta: 400,00 R$ Recebido: 70,00 R$
00%
compre Seus AGs Pelo Pag Seguro e Paypal
UPDATES!
18.07.2017 — Karma aqui passando para avisar que a área de Regras & Tutoriais sofrerá uma reorganização onde alguns tópicos serão fundidos e outros mudados de posição, melhorando também os textos das regras procurando remover furos e melhorando o entendimento dos usuários.
ESTAÇÕES & EVENTOS
Ano: 07
Primavera:
12/07 -- 03/08
Verão: 04/08 -- 26/08
Outono: 27/08 -- 19/10
Inverno: 20/10 -- 13/11






Últimos assuntos

» Forja, shirotsuki
por shirotsuki Hoje à(s) 07:44

» [C.J.] shirotsuki
por shirotsuki Hoje à(s) 07:42

» Mudanças Ficha - Douglas
por shirotsuki Hoje à(s) 07:11

» Mudanças Katia/Raiden!
por shirotsuki Hoje à(s) 07:10

» Sugestão-Velocidade
por Bills Hoje à(s) 06:04

» Banco - Shiima
por Shiima Hoje à(s) 05:55

» RANK B- Shiima
por Katia Mello Hoje à(s) 05:35

» Modificações de Katia Mello
por Katia Mello Hoje à(s) 05:34

» (Q) - Katia Mello
por Shiima Hoje à(s) 05:27

» [Treino] Raiden Mello
por Shiima Hoje à(s) 03:29

Procurados
Procurados RPG Akat


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

[t] goroima

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 [t] goroima em 13/7/2017, 14:03

Goroima

avatar
Gennin
Gennin
.

Ver perfil do usuário

2 Re: [t] goroima em 16/7/2017, 16:51

Goroima

avatar
Gennin
Gennin



A vontade de superar deus ainda era viva como o fogo. Recarregadas as minhas baterias, era hora de um novo dia intenso de treinamentos. Sem sombras de dúvidas, mais um passo importante para atingir meu objetivo. Era um dia onde o sol aparecia bastante entre as nuvens. No terreno acidentado e montanhoso, desci até a planície. Aquele era um lugar reservado, apenas eu o conhecia. De norte a sul não havia nada senão o afluente de um rio, gramíneas curtas e esparsas que culminavam em lindas flores repletas de um laranja único. Ali também haviam todos os tipos de equipamentos, na realidade, ali fora uma antiga academia ninja provisória. Os cuidadores daquele local eram os meus pais e esta era a única razão pela qual eu o conhecia tão bem. Mesmo traumatizado pela perda precoce dos meus genitores, não havia nada ali que pudesse me causar o mínimo de desconforto ou nostalgia.

Aproximei-me de um saco de areia pendurado em uma haste metálica de tamanho considerável. O meu objetivo, com aquilo, era simples: aprender um pouco mais de Taijutsu. Precisaria me tornar mestre nas mais variadas áreas caso quisesse me tornar digno de ser alguém capaz de superar deuses. Comecei socando, da forma como aprendi na academia. Dois problemas eram visíveis: falta de força e técnica. Pratiquei por horas. Uma sequência incansável de socos e chutes, tentando aplicar o máximo de força, sem, com isso, perder a postura correta em meus golpes. O progresso não de demonstrava sob qualquer perspectiva por mais otimista que fosse. Mantive a calma, inspirei e expirei lentamente, recobrando os motivos pelos quais ali estava.
— Eu sou aquele que vai superar deus! — gritei enquanto socava raivosamente.

Mais algum tempo se passou e logo cheguei a exaustão. Nem mesmo minha resistência era lá grande coisa. Deitei-me sobre a margem do rio, mergulhei minha cabeça dentro daquela água. Límpida como vidro, enxerguei o fundo atravessado pela luz vibrante como o canto de um tenor. Meus olhos não pareciam acreditar naquilo que via: um pergaminho, enterrado entre pedras e areia. Mergulhei até, finalmente, conseguir alcançá-lo. Capturei aquele pedaço de papel com o maior cuidado possível, seria péssimo caso ele se despedaçasse depois de tudo. Esperei-o secar enquanto caçava alguns peixes como uma espécie de refeição. Um peixe, este era o meu limite. O dia passou e o pergaminho estava, enfim, seco. Desenrolei com cuidado, tinha medo de estragar a tinta ou até mesmo o papel.

Talvez uma coincidência, mas o pergaminho trazia, como conteúdo, trechos e mais trechos acerca daquilo que buscava: Taijutsu. Esta parte, em específico, tratava mais sobre o básico. Era justo o que buscava. De ânimos renovados, voltei ao treinamento. Ainda utilizando o mesmo saco de areia, usei as dicas e os tutoriais do pergaminho ao meu favor. Continuei acertando e pude perceber uma clara diferença. Antes meus socos não tinham potência, meus chutes não tinham boa angulação. Agora conseguia, a partir dos ensinamentos, trabalhar bem melhor com as artes marciais. Não era um especialista, nem de longe, mas agora já era, ao mínimo, um iniciado.

Pronto para seguir com meu treinamento, aproveitei o ensejo para treinar um segundo atributo: minha agilidade. Um ninja precisa ser um guerreiro imbatível, alguém capaz de derrotar seus adversários antes mesmo deles terem tempo suficiente para conseguirem pensar. Esse era meu objetivo enquanto pegava, dentro do antigo galpão, pesos antigos. Acoplei aos tornozelos e aos pulsos, como se fossem, respectivamente, algumas tornozeleiras e pulseiras. O campo tinha um bom perímetro para uma corrida. Comecei, sem conseguir alcançar o máximo de minha velocidade, claro, mas mantendo um ritmo considerável. Tudo isso com o propósito de preparar minha musculatura para o impacto, assim como havia aprendido na academia. Para melhorar minha agilidade e a velocidade das minhas reações, seria extremamente necessário treinar a minha "explosão".

Optei por utilizar socos e chutes, assim como fazia antes, com o máximo de velocidade possível. Fazia isso de maneira intervalada, descansando entre séries. Eram trinta segundos de intervalo, e um minuto forçando meu corpo ao máximo. Fiz isso até que meu corpo falhar em conseguir se manter de pé. Dormi por horas, afim de recuperar minhas energias. Acordei e senti meu corpo completamente pesado, esse treinamento estava em outro nível. Como todo louco, ainda mais daqueles esforçados, aumentei os pesos e passei a utilizar uma carga ainda maior. Aqueci, desta vez aumentando ainda mais o ritmo, de modo a preparar meu corpo para o pior possível. Passou-se o tempo e era de iniciar, uma segunda vez, a rotina mais incessante de treinamentos.

Comecei como de costume, elevando meu corpo ao limite. Desenvolver a explosão dos meus músculos era o efeito visado. Socos, chutes, tudo lançado contra o ar da forma mais rápida possível. Era viciante, sentia meus movimentos tornando-se, pouco a pouco, mais ágeis. Imaginava o que aconteceria quanto removesse aqueles pesos dos meus membros. Treinei, treinei e treinei. O objetivo era um só, o foco e eu éramos um só. Horas se passaram daquele modo, até finalmente meus membros pararem por completo. O progresso era lento, mas notável. No terceiro dia, continuei fazendo o mesmo. Os exercícios iam se tornando cada vez mais exaustivos, as cargas estavam sempre sendo aumentadas. Meu corpo estava ultrapassando meus limites.

Mais tempo se passou, era hora de finalmente ver os resultados de tanto treinamento. Removi os pesos, respirei bem fundo, e comecei a correr pelo campo. Minha velocidade tinha aumentado consideravelmente, sentia-me leve como uma pena. Minhas pernas e braços respondiam muito bem aos meus comandos. Estava tudo tão perfeito que era difícil acreditar que era verdade.

Estava finalizado, mais um passo dado para meu lugar próximo aos deuses.
Goroima; 200/200 200/200

Armas básicas:
Shuriken: 5/5
Kunai: 5/5
Kibaku Fuda: 8/8
Kemuridama: 3/3
Hikaridama: 3/3
Ampolas: 2/2
Treino:
942 palavras; 1 ponto em taijutsu e 1 ponto em velocidade.

Ver perfil do usuário

3 Re: [t] goroima em 16/7/2017, 17:34

Katia Mello

avatar
Tokubetsu Jonin
Tokubetsu Jonin
@ - Lembrando que com o evento você ganha 2 pontos!

Ver perfil do usuário

4 Re: [t] goroima em 16/7/2017, 21:28

Goroima

avatar
Gennin
Gennin
[OFF] cancela o treino de taijutsu e considera apenas o de velocidade.

Ver perfil do usuário

5 Re: [t] goroima em 16/7/2017, 21:47

Zhiend

avatar
Hokage
Hokage
[OFF] Já que não sabia do evento, ok.



Ver perfil do usuário

6 Re: [t] goroima em 20/7/2017, 13:44

Goroima

avatar
Gennin
Gennin



A vida estava indo cada vez melhor. Defeitos não mais me afetavam, as missões já iam se completando uma a uma e eu me sentia mais bem que nunca. Estava determinado, neste dia, a ampliar a minha inteligência. Minha intenção era, com isso, obter um melhor controle da minha Kekkei Genkai e também melhorar no Genjutsu. Não sabia ao certo como faria isso ainda, mas tinha plena certeza de que a biblioteca tinham todas as respostas. Afinal, ela lá onde os nerds se concentravam desde a minha fase de academia. Me movi vagarosamente ao espaço que concentrava boa parte do conhecimento da vila como um todo. Minha consciência era plena e meu objetivo era claro. Como já tinha contato com a bibliotecária graças a missão anteriormente realizada, minha entrada foi em muito facilitada.

Não era apenas a entrada na biblioteca em si que teria sido facilitada, mas também o acesso a áreas exclusivas para funcionários. Naquele lugar existiam os mais variados tipos de livros e pergaminhos. Procurei por algum tempo e finalmente achei aquilo que procurava: exercícios para aumentar minha capacidade cognitiva. Recolhi todos os livros e pergaminhos e fui só a uma mesa de estudos individuais. Comecei a me deleitar em leitura ainda cedo. De início, jogos de memorização. Não entendia nada sobre aquilo, mas se o livro dizia que iria melhorar minha inteligência... Quem era eu para duvidar da informação. Alguns quadradinhos passavam de página em página, tinha de decorá-los e marcar, na próxima página, quais estavam nas posições corretas. A cada página, um maior número de quadradinhos. Horas se passaram e podia sentir meu cérebro fritar, pouco a pouco.

Eu não era, nem de longe, um dos mais geniosos shinobi, mas o trabalho duro ainda me levaria longe. Respirei um pouco, tomei uma água e voltei aos exercícios mentais. Desta vez, voltei-me à lógica. Esta era, sem dúvidas, uma disciplina de grande importância para poder-se traduzir o mundo. Sentenças, proposições e argumentos, pouco a pouco, todo meu mundo ia se mudando. A lógica nem sempre era como seu próprio nome diz "lógica", era um mundo que ia muito além disso. Envolvido de maneira duradoura com ela, já podia sentir como se todo o meu mundo tivesse mudado. Estudei-a por horas e mais horas. Já era noite e a biblioteca tinha de fechar. Envolvido como estava, levei todos os livros para casa. Continuei o estudo por toda a madrugada, sem sentir qualquer cansaço.

Já era manhã quando finalmente terminava todos os exercícios mentais. Sentia um cansaço mental profundo, mas ainda sim não queria ceder ao cansaço. Depois de tanto exercitar, me levantei da mesa, tomei um ar, água e uma ducha. Minha mente já não era mais a mesma, conseguia trabalhar com ela como nunca antes. Agora tratava-se apenas de manter o nível em alta e tratar de superar o poder dos deuses.

Goroima; 200/200 200/200

Armas básicas:
Shuriken: 5/5
Kunai: 5/5
Kibaku Fuda: 8/8
Kemuridama: 3/3
Hikaridama: 3/3
Ampolas: 2/2
Treino:
475 palavras. 1 ponto em inteligência ( 1 do evento)

Ver perfil do usuário

7 Re: [t] goroima em 20/7/2017, 13:47

Katia Mello

avatar
Tokubetsu Jonin
Tokubetsu Jonin
@

Ver perfil do usuário

8 Re: [t] goroima em 24/7/2017, 13:52

Goroima

avatar
Gennin
Gennin



STAMINA

Era hora de treinar mais uma vez. Melhorar, de uma vez por todas, minhas habilidades físicas. A começar pela minha stamina. Minha durabilidade em batalhas estava diminuindo gradualmente com o aumento de nível das mesmas. Cansado de sentir cansaço, fui ao pico mais elevado da vila. Alguns ninjas já treinavam sua resistência por lá há muito tempo, alguns até mesmo contam lendas sobre os mais antigos Raikages terem ido lá treinar. Acreditando em meu potencial e no máximo que poderia chegar, fui ao local tão demandado por ninjas. Andei por horas até finalmente chegar, de acordo com o mapa, no lugar apropriado. De fato o era. Estava na base de uma montanha que sequer conseguia ver o cume. Apesar de estar acima das nuvens, existiam outras que circundavam a elevação e impediam qualquer observador terrestre observar alguma coisa. Para facilitar as coisas, alguns moradores locais criaram uma escada que levava até o topo.

Comecei a minha escalada ainda cedo. De início, estava bem confiante em chegar ao topo rapidamente. Mas logo minha esperança foi despedaçada, degrau após degrau e ainda não conseguia enxergar nada do cume. Só o cume interessava, ainda sim aquilo já era, de certo modo, um treinamento. Continuei subindo como um louco, à alta velocidade, mas logo meu fôlego chegava ao fim. Pela primeira vez já conseguia sentir a diferença de altitude, como poderia?! Nascido em um lugar de altitude tão elevada quanto Kumogakure... Sentir um peso na respiração era uma desonra à minha vila e às pessoas que nela viviam. Minha pernas bambeavam, contudo só desistiria quando não mais tivesse forças sequer para viver.
— Hahahaha! — ri histericamente. — Eu sei que vocês estão tentando me fazer desistir, que sacrilégio... Vocês temem a minha presença, certo?! Vou superá-los, assistam daí, seus preguiçosos, logo estarei ao seu lado.
Meu corpo não se movimentava mais a partir de energia, sim de vontade e determinação. Minhas pernas subiam degraus, mas minha mente só se concentrava no meu principal objetivo.

Dois dias inteiros se passaram daquela forma. Meu corpo estava exausto, mas era disso que se tratava ser um ninja, não desistir das metas mesmo quando todas as condições são adversas. Continuei degrau a degrau e finalmente chegava ao tão esperado topo. Lá, ao centro, um templo. Concentravam-se cerca de três a quatro ninjas. Fui atendido por alguém com a aparência de um monge, alguém que já sabia o motivo da minha presença naquele lugar. Mandou-me sentar ao centro do templo, lá, junto de todos os outros. Ordenou-me, em seguida, a respirar lentamente. Puxar o ar com paciência, liberá-lo com a mesma. Sentir a vida passar por meus cabelos, sentir o ar, por menos concentrado que fosse, entrar, limpar e sair. Sentei, assim como ordenado, e logo comecei a fazer as coisas que ele havia pedido.

Aos poucos, meu semblante mudou completamente. Minha respiração, antes ofegante, agora era calma, tranquila. Sentia um bem estar pessoal. Era uno com o vento. Este era o segredo para melhorar a resistência.

TAIJUTSU

Já estava ali no centro do templo há algum tempo, era hora de mudar meu foco, contudo mantendo como objetivo melhorar meu condicionamento físico. Para isso, focaria meus esforços em treinar Taijutsu. Uma arte que era utilizada há muito tempo por diversos ninjas. Mesmo aqueles que gabavam-se de serem grandes usuários de Ninjutsu tinham também uma boa prática na infame arte física. Não conhecia ninguém naquele templo, mas os monges pareciam boas pessoas. Me aproximei do líder deles, Kyojin.
— Kyojin-sama... Com licença.
Não precisa dizer mais nada, Goroima. Seu coração já me disse do que você precisa. Tome, aqui está. — falou enquanto jogou um pergaminho em direção a minhas mãos.
Desenrolei o pedaço de papel e tratava-se daquilo que eu justamente buscava: um treino completo de Taijutsu. Não entendia como aquele velho sabia de tudo aquilo sem sequer termos conversado antes. Deixei a curiosidade de lado por um tempo e voltei ao meu treinamento. Um pupilo de Kyojin me levou a outro centro de treinamentos. Existiam centenas e centenas de bonecos que imitavam movimentos humanos e possuíam alvos a serem alcançados com socos e chutes. Ele deu uma risada, como se previsse o resultado daquele enxame de criaturas.

Comecei com o básico. Já conhecia um pouco de Taijutsu e por isso tentei aplicar alguns socos e chutes nos alvos descritos. Era difícil conseguir manter uma sequência, ainda mais contra alvos em angulações diferentes. Li o pergaminho, tentando entender melhor sobre como deveria agir, como meu corpo deveria se movimentar ante aqueles adversários. Tentei aplicar uma nova sequência, novamente sem sucesso, contudo com um pequeno progresso notável. Tentativa após tentativa, minhas técnicas iam melhorando pouco a pouco. Mesmo quase sem força, minha técnica já era o suficiente para causar danos contra aqueles inimigos de madeira. Estava indo muito bem até os adversários começarem a se mover. Sim, este era o motivo pelo qual o jovem teria dado risada. Os bonecos na verdade eram especialistas em artes marciais. Me atacaram com agilidade e técnica invejáveis.

Atingido por todos aqueles golpes fui direto ao chão. Me levantei pronto para mais um round. Utilizei meus conhecimentos obtidos até então contra aqueles seres desprezíveis, mas tudo era em vão. A técnica deles era incrivelmente superior, não havia nada que pudesse fazer contra eles. Ainda sim, de tanto ver e ser acertado pelos seus movimentos, comecei a me acostumar. Não apenas isso como também copiá-los. Horas se passaram daquela maneira. Uma luta física era divertida, diversão essa que não tinha há tempos. Minhas habilidades incrementaram-se progressivamente, ao ponto de finalmente conseguir manter o nível contra cerca de dois bonecos ao mesmo tempo. Para alguém que antes perdia facilmente, suportar dois deles já era uma realização de grandes proporções.

Continuei lutando, pouco a pouco, ganhando mais habilidades. Minha técnica já era boa o suficiente, já havia aprendido tudo aquilo que estava no pergaminho e conseguia lutar contra três marionetes ao mesmo tempo. Parei por alguns instantes, não havia mais o que aprender. Era hora de retornar para vila. Um passo mais próximo dos deuses, com toda a certeza.

Goroima; 200/200 200/200

Armas básicas:
Shuriken: 5/5
Kunai: 5/5
Kibaku Fuda: 8/8
Kemuridama: 3/3
Hikaridama: 3/3
Ampolas: 2/2
Treino:
499 palavras. 1 ponto em stamina ( 1 do evento)
514 palavras. 1 ponto em taijutsu ( 1 do evento)

Ver perfil do usuário

9 Re: [t] goroima em 24/7/2017, 21:03

@



Ficha
Ver perfil do usuário

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum